domingo, 17 de junho de 201817/6/2018
73 98126 7638
Claro
16º
18º
25º
Jequie - BA
Erro ao processar!
Super Predio
POLÍTICA
Tribunal da Lava Jato mantém bloqueio de bens de Roberto Britto
O ex-diretor de Abastecimento da Petrobras afirmou, em delação premiada, que Britto e outros parlamentares do PP recebiam R$ 30 mil por mês
Marcos Cansussu Jequié - BA
Postada em 28/05/2018 ás 20h12
Tribunal da Lava Jato mantém bloqueio de bens de Roberto Britto

Deputado Federal Roberto Britto

Por unanimidade, a 3ª Turma do TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região) manteve o bloqueio dos bens do deputado federal Roberto Britto (PP-BA). O parlamentar responde a um processo de improbidade administrativa no âmbito da Operação Lava Jato. As informações foram divulgadas pela Corte no dia de hoje (28).
Em 22 de março do ano passado, dez políticos do Partido Progressista receberam multa civil e por danos morais coletivos após a força-tarefa da Lava Jato ter ajuizado uma ação por improbidade contra a sigla.
O ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa afirmou, em delação premiada, que Britto e outros parlamentares do PP recebiam R$ 30 mil por mês de propinas pagas por empreiteiras do cartel que manipulava licitações da empresa estatal.

FONTE: Metro 1
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium